quarta-feira, 19 de julho de 2017

Resenha #195 O Garoto dos Meus Sonhos

Título: O Garoto dos Meus Sonhos
Autor: Lucy Keating
Editora: Globo Alt
Gênero: YA, romance
Páginas: 264
Ano: 2016
Classificação: 2 estrelas

Sinopse: Desde quando consegue se lembrar, Alice tem sonhado com Max. Juntos eles viajaram o mundo, passearam em elefantes cor-de-rosa, fizeram guerra de biscoitos no Metropolitan Museum of Art... e acabaram se apaixonando. Max é o garoto dos sonhos – e somente dos sonhos – até o dia em que Alice o vê, surpreendentemente, na vida real. Mas ele não faz ideia de quem ela é... Ou faz? Enquanto começam a se conhecer, Alice percebe que o Max dos Sonhos em nada se parece com o Max Real. Ele é complicado e teimoso, além de ter uma namorada e uma vida inteira da qual Alice não faz parte. Quando coisas fantásticas dos sonhos começam estranhamente a aparecer na vida real – como pavões gigantes que falam, folhas de outono cor-de-rosa incandescente, e constelações de estrelas coloridas –, Alice e Max precisam tomar a difícil decisão de fazer isso tudo parar. Mesmo que os sonhos sejam mais encantadores que a realidade, seria realmente bom viver neles para sempre?


A capa é mais bonita que o conteúdo.

Infelizmente vou ter que começar essa resenha dizendo logo de cara que esse livro serve mais pra embelezar a estante do que pra acrescentar algo ou até mesmo distrair. Continue lendo que vou explicar melhor...

Seguindo o desafio das GeLs de 12 livros para 2017, O Garoto dos Meus Sonhos foi o escolhido para junho. Meu primeiro pensamento ao escolhe-lo foi “ele é curtinho e pela sinopse parece ser bem fofo, vou ler em dois tempos”...




A história é sobre Alice, uma adolescente que vive com o pai, um neurocientista bem nerd e adorável. Anos atrás a mãe de Alice, outra cientista, foi embora para estudar primatas na África e a deixou aos cuidados do pai. A vida seguiu e agora, após a morte da avó, Alice e o pai estão se mudando para a antiga casa da avó. Uma nova cidade, uma nova escola, novos colegas... O que a nossa mocinha jamais poderia imaginar e nem sonhar é que em seu primeiro dia de aula, encontraria o garoto dos seus sonhos literalmente!

Sim meus caros, desde muito cedo Alice sonha com Max, ele era seu melhor amigo e namorado, o garoto com quem ela vivia as loucuras que só acontecem em bons sonhos. Ela acreditava firmemente que ele só existia em suas fantasias, então imaginem o susto que não foi quando deu de cara com ele! E na mesma turma!!!



Como se tudo já não fosse louco o suficiente, o Max da realidade não é nada parecido com o do sonho, e pior ainda, ele tem uma namorada!! WHAT!?? E agora? Como resolver essa situação louca? Por qual motivo Alice sonha com um garoto real? E será que ele sonha com ela também ou é tudo imaginação/loucura?

Essa premissa parece ser bem legal né? Foi o que me fez comprar o livro, ficar curiosa e o incluir no meu desafio, mas a verdade é que o livro é chato. Um drama adolescente muito bobo e desnecessário, e olha que em 90% dos casos eu não me importo tanto com drama adolescente rsrs. Mas a Alice é enjoada, Max não tem nada encantador... na verdade eu torci pelo Oliver, um outro personagem muito mais divertido e que conseguiu trazer um pouco de graça para o enredo.

O que me impulsionou a ler até o final foi a curiosidade. Eu precisava descobrir o mistério por trás dos sonhos da Alice, para a minha decepção foi uma explicação ainda mais boba que toda a trama. O fato dela sonhar com Max até tem um certo fundamento, mas o livro gera uma expectativa por algo bem maior do que a solução que a autora apresentou. Não vou entrar em mais detalhes para não ter spoilers nessa resenha, mas em caso de curiosidade é só questionar nos comentários rsrs.

Eu não indico O Garoto dos meus Sonhos, foi uma verdadeira decepção e se vocês puderem guardar seu dinheiro e investir em outro livro, façam! Premissa interessante com desenvolvimento fraco e um casal de protagonistas mais chatos ainda.

Sobre a edição, padrão da Globo Alt, bem do jeito que todo leitor gosta rsrs. Mas meus parabéns vão mesmo para o capista que fez um ótimo trabalho.

Ps.:Desculpa por ter te dado esse livro de presente Ra, eu deveria ter lido antes hahaha


Beijos e até a próxima!